Imagem

Gata ajuda menina autista em sua terapia

Crianças autistas têm dificuldades para se comunicar e para socializar, preferindo, na maioria das vezes, ficar sozinhas. Para tentar contornar esse transtorno e viver uma vida melhor, a pequena Iris Grace Halmshaw, de 5 anos, encontrou na pintura sua terapia.  Descobriu nas tintas e no papel um grande talento, que rende não só belas telas, como deixa a menina menos ansiosa. Por trás dessa atividade há também uma grande incentivadora: uma gatinha chamada Thula.

Segundo a mãe da menina, Arabella Carter-Johnson, não é raro encontrar casos de crianças autistas que apresentam melhora ao conviver com animais. Após tentar o hipismo e até mesmo um cãozinho, foi na gata Thula, uma Maine Coon, raça conhecida por sua gentileza e inteligência, que Iris fez uma amizade fiel. Com pouco mais de 1 ano de idade, a gatinha ainda é pequena para os padrões da raça e acompanha Iris durante todas as suas atividades diárias – da pintura e passeios ao banho.

“Em todas as atividades que nós fazemos, Thula está lá e quer ajudar e estar envolvida. (…) Ela oferece companhia, amizade e me ajuda a incentivar Iris a interagir”, afirmou a mãe. Conviver com a gata tornou Iris mais ativa, mais comunicativa (ela costuma conversar com Thula) e menos ansiosa. Apesar de não ter recebido nenhum tipo de treinamento específico, a gatinha é a principal responsável por tornar a vida de Iris mais tranquila e segura. Confira algumas das fotos que demonstram essa bela amizade:

45

3

2

1

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *