Imagem

Confissões de um humorista depressivo

Kevin Breel não parecia ser uma criança depressiva: era capitão do time, estava em todas as festas, engraçado e seguro de si. Mas ele conta a história da noite em que percebeu que — para salvar sua própria vida — ele precisava dizer três palavras bem simples.

Assista:

Compartilhar

2 thoughts on “Confissões de um humorista depressivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *